fbpx
Compra e Venda

Fique por dentro de 9 fatores que impactam na valorização do imóvel

valorização do imóvel
Escrito por Fred VPR Imóveis

Na hora de comprar, vender ou alugar um imóvel, seja para morar ou investir, você deve ficar atento a vários fatores, como as possíveis causas de valorização ou desvalorização. Saber o que leva à valorização do imóvel pode ser um dos fatores chave para que você decidia pela compra da propriedade ou não.

Pensando nisso, preparamos este post com as principais dicas que devem ser levadas em consideração ao comprar um imóvel – pensando em sua valorização. Iniciaremos falando da importância de contar com uma imobiliária para auxiliar neste processo tão importante.

Em seguida, vamos elencar e abordar os 9 principais fatores que podem ter influência no assunto. Está interessado? Então, continue lendo esse texto e descubra quais são esses fatores!

Por que uma imobiliária é importante para auxiliar na negociação de um imóvel?

Um leigo no assunto pode tomar decisões equivocadas na hora de adquirir um imóvel por conta do seu desconhecimento sobre o assunto. O conhecimento pode vir tanto da leitura sobre os fatores que levam à valorização, como informações privilegiadas e experiência no trato da questão.

Desta forma, ao comprar um imóvel, é fundamental que profissionais do ramo sejam procurados para indicar o melhor caminho a ser seguido por você. Com isso, a contratação de uma imobiliária com experiência e boa reputação no mercado é o primeiro passo para fazer uma negociação de sucesso.

Quais fatores influenciam a valorização?

1. Localização

A localização do imóvel influencia muito no valor, assim como na sua valorização ao longo do tempo. Se o imóvel estiver localizado em uma área que sofre com a degradação, ele certamente ficará cada vez mais desvalorizado.

Se o prédio estiver em uma área em que ocorre o processo inverso, conhecido tecnicamente como gentrificação, acontece o oposto. A valorização também ocorre com a expansão do local, com abertura de novas vias e implantação de serviços e infraestruturas, como a instalação de uma rede de iluminação e esgoto, por exemplo.

Dessa forma, evite áreas que estejam próximas a autoestradas e avenidas movimentadas, pois essas vias tem o potencial para desvalorizar uma região inteira. Como exemplo, pode ser citado o que aconteceu com os apartamentos vizinhos ao viaduto do Minhocão, após sua inauguração, em São Paulo. Evite também escolher áreas próximas à região de ocupação irregular, que podem ser regiões perigosas.

2. Comércio local

Outro fator a ser avaliado é a análise do comércio local. Se as atividades comerciais estiverem movimentadas, esse é um sinal que a vitalidade urbana do local está em alta. Comércios fechados, por outro lado, são um sinal de que, talvez, o bairro esteja passando por um processo de degradação.

3. Acessibilidade

O mundo está mudando e, muitas dessas mudanças tem sido para melhor. Se antes quase não havia preocupação quanto à acessibilidade, esse hoje é um diferencial. A acessibilidade, vale lembrar, nada mais é do que um critério utilizado para analisar o quão acessível é um espaço para todas as pessoas, sejam crianças, cadeirantes ou idosos, por exemplo.

Dessa forma, quanto maior for o nível de acessibilidade de um local, mais aberto ele será a todos os cidadãos da cidade e portanto, mais valorizado será.

Banner WhatsApp (A)Powered by Rock Convert

4. Condições internas do imóvel

As condições internas do imóvel também devem ser consideradas na hora de fazer uma avaliação e analisar a valorização do local. Tanto aspectos físicos, como o revestimento e características estruturais, quanto aspectos de localização do imóvel, como luz solar e ventilação natural, devem ser observados.

Recomenda-se que, para isso, você entre em contato com profissionais da área, como corretores, engenheiros ou arquitetos, a fim de receber um parecer técnico e aprofundado sobre o assunto.

5. Segurança

A segurança é, cada vez mais, um fator importante na nossa sociedade, devido ao crescimento da violência – fato que temos presenciado nas últimas décadas. Dessa forma, esse é um item essencial na hora de avaliar um imóvel. Bairros seguros apresentam uma valorização dos seus imóveis, enquanto em bairros inseguros o preço despencam.

6. Tecnologia investida

A tecnologia está cada vez mais presente em nossas vidas e não deve ser vista como uma inimiga, mas como uma aliada. Dessa forma, imóveis que utilizam tecnologia para solucionar problemas apresentam maior valorização em relação a aqueles que não a utilizam.

A tecnologia pode ser utilizada como meio para automatizar portas, para fechar torneiras e desligar equipamentos elétricos, além de auxiliar na segurança.

7. Investimentos públicos e privados no entorno

Avalie a inserção de investimentos públicos e privados no entorno do imóvel. Por exemplo, se um parque, praça ou shopping será construído na região, o imóvel deverá valorizar.

Por outro lado, ainda é possível que os mesmos investimentos tenham influência negativa no preço do imóvel, como a construção de um presídio, por exemplo.

8. Documentação

A documentação, embora seja pouco observada, é bastante decisiva na hora da análise de um imóvel. Muitos compradores e, até mesmo profissionais do ramo, deixam de fazer a proposta quando percebem que estão diante de um imóvel cheio de problemas relacionados à documentação e vão enfrentar uma grande burocracia.

Dessa forma, recomenda-se que você fique em dia com as taxas cobradas pela prefeitura e que deixe o imóvel sempre com a documentação necessária atualizada, para não espantar os possíveis compradores ou locatários.

9. Condomínio

O nível do condomínio também tem uma grande influência. Se ele consegue oferecer boa segurança e boas opções de lazer, poderá influenciar positivamente no valor final. Já os que apresentam taxas de condomínio fora da realidade, com poucos mecanismos de segurança e poucas opções de lazer também podem influenciar, mas de forma negativa.

Diante do que foi exposto, vale a pena ressaltar que é necessário analisar todos os fatores apresentados — que serão levados em conta na valorização do imóvel. Assim, você poderá garantir um negócio mais justo e com boas perspectivas para o futuro!

Agora que você já sabe quais são os fatores que influenciam na valorização de um imóvel, entre em contato com a VPR imóveis e tire outras dúvidas que você possa ter. Temos profissionais especializados no assunto e com anos de experiência!

Sobre o autor

Fred VPR Imóveis